"Acreditando na magia que existe na educação! Buscando ser a mudança que quero ver no mundo"!
CONTATOS: sunamitamagalialbuquerque@hotmail.com /sunamitanativaoliveira@gmail.com

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

PROJETO SABER E SABOR - OS SABERES E SABORES DO BRASIL




ITÁLIA, ALÉM DA PIZZA: ESTUDO SOBRE A CULTURA ITALIANA - CONTRIBUIÇÕES E INFLUÊNCIAS




Os alunos Jonathan Sales e Clara com as italianas Lúcia e Clara.



Dando sequência ao Projeto iniciado no mês de fevereiro/09, na turma do 5º ano da Escola Municipal John Kennedy, recebemos hoje pela manhã (03/09) a visita de três italianos, um já radicado no Brasil há 40 anos, o Sr. Baroni, e duas italianas que estiveram por aqui visitando a terrinha, as simpáticas jovens Clara e Lúcia. Aproveitamos a visita delas para realizar um intercâmbio cultural, tirando dúvidas e conhecendo um pouco mais sobre a diversidade cultural de um país que influenciou muitos de nossos hábitos, especialmente, os alimentares.

Os alunos realizaram diversas perguntas, pediram para tirar fotos, e foram gentilmente atendidos, escutaram algumas músicas clássicas italianas, como as do tenor Andrea Bocelli, escutaram a história da origem da pizza margherita, em homenagem a uma rainha italiana com esse nome, além dos comentários dos visitantes acerca das imagens que apresentamos em vídeo e, no final, provaram de nossa legítima pizza.

Não precisa dizer que a aula foi uma delícia!



Algumas das perguntas feitas pelos alunos revelaram algumas curiosidades:

4ª série - Devido ao consumo de massas na Itália, o índice de obesidade é tão alto quanto aqui no Brasil?

Clara,Lúcia e Baroni - Há pessoas obesas também mas, pelo fato de comermos pizza com azeite, sem maionese e outros condimentos, conseguimos controlar melhor o peso. Consumimos muitas hortaliças também. Não temos o hábito de misturar feijão com arroz, por exemplo. Preferimos macarrão. Se comemos carne, só comemos com verduras. Consumimos também os vinhos, que ajudam a manter a saúde.

4ª série - Sobre a educação na Itália. O ensino é gratuito e de qualidade para todos?

Clara, Lúcia e Baroni - Sim, todos tem acesso aos estudos até se formarem. As melhores escolas são as do governo. Só vai para as escolas particulares aqueles que são reprovados no ensino público, daí tem que pagar pra ter um diploma. O ensino básico é de 05 anos, mais 03 do médio e mais 05 de Ensino Superior ou Técnico.

4ª série - O que mais chamou sua atenção em nosso país?

Clara, Lúcia e Baroni - A quantidade de pessoas muito pobres. Na Itália também tem pobres, mas não como aqui. Aqui é muita gente sem nada. Outra coisa é que todo mundo sabe dançar. Todos dançam muito.

4ª série - O que vocês levariam (ou levarão) do Brasil para a Itália?

Clara, Lúcia e Baroni - Doce de leite e sandálias havaianas. Na Itália custa muito caro, em média 20 euros ( aproximadamente R$ 50,00).

4ª série - Além da pizza, o que não pode faltar na mesa de um italiano?

Clara, Lúcia e Baroni - Depende um pouco da região do país, mas em geral, não pode faltar pão, tanto pela manhã quanto no jantar. Preparamos a massa do macarrão.

4ª série - A Itália ensinou o brasileiro a consumir massas. Vocês adquiriram algum hábito alimentar conosco?

Clara, Lúcia e Baroni - Não há muita variedade de frutas na Itália, uma parte está sendo importada daqui do Brasil, como mamão papaya, maracujá, manga. Assim, agora podemos consumir essas frutas, porque antes não havia lá. Provamos cuscuz e pimenta aqui.

4ª série - E farinha de mandioca?

Clara, Lúcia e Baroni - Só experimentamos.








Sr. Baroni, Lúcia, a Professora Sunamita Oliveira e Clara


A turma da 4ª série da Escola John Kennedy - Gravatá - com a diretora Denise Batista, a professora Sunamita Oliveira e as visitantes Lúcia e Clara.


Na telinha, a bandeira da Itália - os alunos atentos a fala de nossos visitantes.



Nota:

Este trabalho só foi possível graças a disponibilidade do Sr. Baroni e de sua esposa Macione Pessoa, através do conhecimento deles com as jovens italianas, que agendaram a visita e as transportaram até nossa escola. Nosso muito obrigado pelo privilégio de aprender um pouco mais sobre nossa história, e pelo rico momento que vocês nos possibilitaram ter! Gracias! Bravo!
Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails