"Acreditando na magia que existe na educação! Buscando ser a mudança que quero ver no mundo"!
CONTATOS: sunamitamagalialbuquerque@hotmail.com /sunamitanativaoliveira@gmail.com

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

IDEOLOGIA: DEVO QUERER UMA PARA VIVER?

Definição - do site Sua Pesquisa
 


Ideologia é um conjunto de ideias ou pensamentos de uma pessoa ou de um grupo de indivíduos. A ideologia pode estar ligada a ações políticas, econômicas e sociais.

O termo ideologia foi usado de forma marcante pelo filósofo Antoine Destutt de Tracy. 

O conceito de ideologia foi muito trabalhado pelo filósofo alemão Karl Marx, que ligava a ideologia aos sistemas teóricos (políticos, morais e sociais) criados pela classe social dominante. De acordo com Marx, a ideologia da classe dominante tinha como objetivo manter os mais ricos no controle da sociedade.

No século XX, varias ideologias se destacaram:

- Ideologia fascista: implantada na Itália e Alemanha, principalmente, nas décadas de 1930 e 1940. Possuía um caráter autoritário, expansionista e militarista.
- Ideologia comunista: implantada na Rússia e outros países (principalmente do leste europeu), após a Revolução Russa (1917). Visava a implantação de um sistema de igualdade social.
- Ideologia democrática: surgiu em Atenas, na Grécia Antiga, e possui como ideal a participação dos cidadãos na vida política.
- Ideologia capitalista: surgiu na Europa durante o Renascimento Comercial e Urbano (século XV). Ligada ao desenvolvimento da burguesia, visa o lucro e o acumulo de riquezas.
- Ideologia conservadora: idéias ligadas à manutenção dos valores morais e sociais da sociedade.
- Ideologia anarquista: defende a liberdade e a eliminação do estado e das formas de controle de poder.
- Ideologia nacionalista: exaltação e valorização da cultura do próprio país.
* AGORA QUE VOCÊ SABE A DEFINIÇÃO DE IDEOLOGIA E CONHECEU ALGUNS EXEMPLOS, POR FAVOR, ME AJUDE A IDENTIFICAR QUE TIPO DE IDEOLOGIA CORRESPONDE A DESCRIÇÃO ABAIXO, PARA ATENDER AOS ANSEIOS DE "EDUCOLÂNDIA", NUM PAÍS TÃO, TÃO, TÃO DISTANTE DA REALIDADE (QUALQUER SEMELHANÇA É MERA COINCIDÊNCIA!):

NA ÁREA DA EDUCAÇÃO:
1. Educação como prioridade do governo, seja ele federal, estadual ou municipal.
2.Gestores nomeados pela competência, pelo currículo e não como cargos de confiança.
3. Gestores escolhidos pela comunidade escolar, por voto direto, tal qual são escolhidos todos os representantes políticos brasileiros, inclusive o presidente da república, típico de democracias.
4. Salas de aula com espaços adequados e proporcionais à série e idade das crianças.
5. Número de alunos adequado por sala , respeitando o espaço físico existente e primando pela qualidade do ensino.
6. Salas de Educação Infantil com professor-auxiliar.
7. Professores que se identifiquem com o campo para trabalhar na zona rural.
8. Educação Ambiental como disciplina obrigatória, enquanto ainda dá para respirar sem auxílio de balão de oxigênio.
9. Professores comprometidos com a educação e formação de seres humanos.
10. Professores bem-remunerados e premiados de acordo com o desempenho apresentado.
11. Professores preocupados com condições dignas de trabalho e, não apenas com o salário (em breve, no ritmo que estamos, o salário por mais alto que esteja, não será suficiente para pagarmos aos psiquiatras e farmácias).
12. Verba destinada a educação sendo aplicada de fato na educação.
13. Não ter mortadela, cream-craker e ki-suco na merenda escolar. 
14. Toda escola com uma horta orgânica comunitária (as que não tem terreno, podem fazer a horta na horizontal, com garrafas pet. Reciclagem é sinal de inteligência).
15. Professor fora de sala, sem ser por motivo de doença, e que ocupa cargo burocrático, não recebendo as mesmas gratificações dos colegas que estão em sala (dando o sangue!)


NA ÁREA DA SAÚDE:

1. Médicos que receitem/consultem os pacientes internados olhando para eles, após realizar avaliação e não apenas lendo o prontuário apresentado pelos auxiliares/técnicos em enfermagem.
2. Médicos atendendo nos hospitais.
3. Um hospital que disponha de toda medicação necessária e essencial, e não apenas DIPIRONA ou TYLENOL.
4. Salários dos profissionais da saúde sendo pagos em dia. Digo, no último dia do mês, e não 15, 20 dias após o final do mês trabalhado.
5. Médicos com educação doméstica (que tenham aprendido aquelas regrinhas básicas: bom dia, boa tarde, boa noite, obrigada, por favor, com licença, pois não...)
6. Médicos responsáveis e competentes.
7. Médicos-doutores (com doutorado, mesmo!)
8. Médicos que não se achem deuses (uns já tem certeza de que são!)


SE EU CONTINUAR ESSA LISTA, TEREI UM INFARTO... SOU PROFESSORA... NÃO TENHO PLANO DE SAÚDE E, O SUS... BEM, VOCÊ JÁ DEVE CONHECER!!
E ENTÃO, VOCÊ AINDA QUER UMA IDEOLOGIA PARA VIVER?
Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails